home_congress_post4

Oferta reduzida e firmeza nas cotações do boi gordo


Os pecuaristas, em sua maioria, mantêm a estratégia de retenção e os frigoríficos encontram dificuldade para comprar as boiadas. O resultado disso é firmeza nas cotações da arroba. 

Os pastos com maior qualidade e capacidade de suporte, devido aos melhores volumes de chuvas nos últimos dois meses, e as altas no mercado de reposição, que causam piora na relação de troca para o invernista, estimulam a estratégia de retenção do boi gordo. 

Do início do mês até aqui, na média de todas as 32 praças pecuárias pesquisadas pela Scot Consultoria, as cotações para a arroba do boi gordo, considerando os pagamentos a prazo, subiram 0,9%, mesmo março sendo um mês em que sazonalmente há maior oferta, devido ao descarte de matrizes.

Esse cenário de oferta restrita não deve ter grandes mudanças no curto prazo, já a demanda pode melhorar com a expectativa de maior escoamento da carne na virada do mês. Fatores estes que podem manter a firmeza do mercado nos próximos dias.